quinta-feira, novembro 23, 2006

Como gostamos da montanha!

Fernando Matos (director do Parque Natural da Serra da Estrela), a propósito das fitinhas da Vodafone, disse que se tratava de um caso não inédito. É verdade que não é inédito. Eu já tinha chamado a atenção para as fitinhas da Inatel e, muito antes disso, já me tinha queixado à própria Inatel. Mas encontro frequentemente fitinhas destas nas picadas por onde costumo correr, deixadas por bttistas, por moto-4-eiros, ou sei lá por quem.
Ainda hoje, perto do posto de vigia por trás do Sanatório, encontrei esta aqui ao lado, com um aspecto já muito antigo. Não sei quem a terá aqui deixado. No Domingo passado participei na VIII Subida do Vale de Sameiro. Esta prova não estava sinalizada com fitinhas (penso eu, porque vi poucas), mas com tabuletas sólidas, com indicando a distância já percorrida ou a direcção a tomar. Suponho que estas tabuletas tenham sido retiradas, até porque podem ser aproveitadas para a nona edição da prova, no próximo ano. Quando, depois da corrida, regressei a pé ao Sameiro, o caminho que tomei estava sinalizado pelas malditas fitinhas... Que prova terão sinalizado? Ontem, um leitor enviou-me as fotos que apresento em baixo, tiradas na estrada nacional N 231, penso que na zona de Loriga. Serviram para sinalizar um passeio de jipe entre Oliveira do Hospital e Aguincho, que teve lugar... Em Outubro! O que realmente preocupa não é o que as imagens mostram, mas o facto de, tratando-se de um passeio de jipe, terem também, decerto, saído do asfalto e entrado por picadas. Também as terão assim deixado decoradas?!
Enfim, por estas e outras (muitas outras, infelizmente) se vê como gostamos da montanha! É que é só love, do mais purinho!

1 comentário:

pedro n. t. santos disse...

Esta história das "fitinhas" de plástico já começa a ser demais...eu sugeria que se criasse uma espécie de caução que as entidades organizadores destas actividades deveriam pagar ao Parque Natural, sendo que o dinheiro seria devolvido no final, quando TODAS as fitas fossem retiradas!
Sim , já sei, estou a delirar, vivemos no 3º mundo!

Algarvear a Serra da Estrela? Não, obrigado!