quinta-feira, novembro 27, 2008

Mamarrachos à venda!

Uma das "maravilhas" agora postas à venda. A outra é igual. (Fotografia roubada daqui.)

O jornal O Interior traz notícia do anúncio da venda dos monos das bolas (a link pode não ser permanente), na Torre. A peça chama a atenção para uma perplexidade que partilho: então aquilo não tinha já passado para a Região de Turismo? Adiante, que a serra está bem habituada a "surpresas" destas...

Portanto, se o caro leitor está interessado em dois mamarrachos indescritivelmente horríveis, a cairem de podre, no sítio mais degradado da serra da Estrela, um dos quais está parcialmente ocupado (não sei se pagam renda...) pela GNR, força! Não sei para que os quererá, até porque o que se pode fazer naquele local não está muito bem definido, a zona não tem infraestruturas e, além disso, tirando alguns (poucos) dias por ano, os negócios têm ali uma rendibilidade muito incerta. Mas, é claro, não é nada que um indispensável apoiozito do estado não resolva, haja iniciativa privada!

Quanto a mim, o Ministério da Defesa faria-nos a todos um favor se vendesse aqueles monos era mas era ao ferro velho. O lugar do lixo é no lixo!

Divulgámos há dias uma nota de imprensa da Associação Cultural Amigos da Serra da Estrela sobre este assunto.

2 comentários:

carpinteira disse...

já o defendemos no carpinteira; o melhor para os monos era a implosão.

Anónimo disse...

Pois e aproveitem para impludir o Sanatório, em vez do Estado lá ir gastar milhões em vez de o gastar no que de facto a região precisa.
Já há hoteis que cheguem para estar vasios grande parte do ano.

Algarvear a Serra da Estrela? Não, obrigado!