domingo, fevereiro 01, 2009

Não sabem limpar a estrada para as minhas pistas!

Este fim de semana, Artur Costa Pais(1) e a Câmara Municipal da Covilhã insurgiram-se contra a falta de eficiência do Centro de Limpeza de Neve, atribuindo-lhe a responsabilidade por os turistas não conseguirem chegar à estância de esqui.

Bem, pelo que vi na reportagem que a SIC passou no Jornal da Noite (a link pode não ser permanente), o próprio parque de estacionamento do Hotel das Penhas da Saúde também não estava nada em condições que permitissem a circulação em segurança. Ora, quer-me parecer que os acessos e os parques de estacionamento privados devem ser limpos pelos seus proprietários, não pelas ineficientes "estruturas obsoletas" do estado. Por isso, acho que vem a propósito o ditado sobre telhados de vidro e pedras atiradas ao ar.

De acordo com o que me contaram entendidos, é muito diferente limpar neve que cai com uma temperatura de -100C e se mantém no solo como um pó fino, leve e seco, e limpar neve que cai a uma temperatura de -30C, misturada com nevoeiro ou chuva miúdinha, que fica pesada de tão empapada em água, que depois solidifica durante a noite. E, ainda segundo me foi dito, é por essa diferença que é tão frequente, na serra da Estrela, ser necessário recorrer a tractores e retroescavadoras para abrir caminho (e até podemos ver uma destas máquinas na reportagem que referi acima).

Mas acontece que tenho contado o número de dias em que as estradas de acesso à Torre se encontram fechadas desde que, nesta época, abriu a estância, no dia 1 de Dezembro. Nos 64 dias que passaram desde então, as estradas estiveram cortadas em 14 dias. Nalguns desses dias não se pôde circular apenas durante a manhã, mas na minha contagem, contaram como os outros. Com tudo o que tem nevado, francamente não me parece nada mau.

E quero notar que, mesmo que haja responsabilidades humanas a apurar nesta situação, toda esta indignação da Turistrela e da Câmara Municipal da Covilhã tem um aspecto anedótico. É que, com tão boas condições que, segundo se anuncia, a serra da Estrela tem para a prática do esqui, e com tanta, tanta, neve que este ano tem trazido, mesmo assim as pistas da estância que não estão equipadas com canhões de neve ainda não estiveram abertas um único dia, segundo as informações difundidas pelo próprio site da Turistrela. Significa isto que a estância tem estado reduzida a um total de 3,6 km esquiáveis, e isto nos dias bons porque, por exemplo, ainda nos que antecederam este último nevão, na semana passada, a estância tinha abertas apenas as pistas Cântaro (155 m) e Covão (229 m), num fantástico total de 384 m esquiáveis! Peço desculpa, mas as coisas aqui na serra são o que são. E, como são o que são, armar um grande escândalo afirmando que a ineficiência da limpeza das estradas que dão acesso à estância de esqui prejudica gravemente a economia regional... Enfim.

Para terminar, a minha experiência de como as coisas se passam "lá fora" é esta: na Páscoa passada passei uma semana em Andorra. A meio da semana, veio um dia com condições parecidas com as que tivemos na Serra este fim de semana. A estância (Grand Valira) esteve encerrada. Em Dezembro, fui a La Covatilla com a ideia de esquiar dois dias; no segundo não o pude fazer porque estava a nevar e a Guardia Civil interditou a estrada de acesso à estância a meio da manhã. Noutros anos, noutras paragens, tenho por vezes sofrido situações semelhantes. É a vida.

O blog Estrela no seu melhor refere-se também a este "escândalo".
(1) Administrador da Turistrela, a empresa concessionária exclusiva do turismo e dos desportos na Serra desde 1972 e por décadas ainda por vir para o futuro.

7 comentários:

Rotiv disse...

A vida é bela...

Anónimo disse...

concordo a 100% com o texto, achei imensa piada, pois eu vi as noticias na sic e via-se os carros no HSE cheios de neve e com os clientes com pás a tentarem desbloquear os seus próprios carros e uma retroescavadora que concerteza é das obras que a turistrela anda sempre a fazer na serra e a turistrela «arrajou a máquina porque já lá estava na serra, para outros fins ... e não para limpar neve decerteza.»
Havia clientes extremamente zangados e disseram para as câmaras de tv o seguinte: eu aqui não volto decerteza, estou muito desapontado. E com este cenário, o Srº Artur Costa Pais disse logo a seguir para a SIC: ... se as instituições públicas não funcionam (referia-se à não limpeza das estradas), que as privatizem. ORA COMO QUER ELE ASSUMIR A LIMPEZA DAS ESTRADAS, SE PARA LIMPAR APENAS O PARQUE DO SEU HOTEL RECORRE A UMA RETROESCAVADORA QUE SE ENCONTRAVA PARA OUTROS FINS NA SERRA...? TERÁ ELE CAPACIDADE FINANCEIRA PARA COMPRAR O EQUIPAMENTO NECESSÁRIO´(HUMANO E MATERIAL) PARA LIMPAR A ÁREA DA SERRA DA ESTRELA, QUE SÃO MUITOS KM´S? CONHECERÁ ELE A SERRA DE FORMA PROFUNDA E OS PERIGOS DESTA COM GELO E NEVE DE FORMA ABUNDANTE? A serra é mais perigosa do que se pensa, a nevar intensamente depois do limpa neves passar, demora-se 15 minutos a estar novamente um manto branco formado, ou seja, teria de passar um limpa neves de 15 em 15 minutos em toda a zona da serra onde neva com intensidade.

Cova Juliana disse...

Mas será que vocês ainda não perceberam que ele vai limpar a Serra com o seu hummer?

Já estou a ver o novo pacote de inverno na turistrela... Fim de semana alojado num dos hotéis e experiência no hummer (com a respectiva pá "tunningada" à frente) de limpeza de estradas na Serra da Estrela! Se pagar o suplemento, pode ainda usufruir de 30min de diversão na escavadora a "desenterrar" os carros do parque de estacionamento! Isto sim é visão!

hihihi

Anónimo disse...

E, já agora, para acrescentar e falando com conhecimento de causa, mesmo que estrada tivesse sido aberta no Sábado passado, o vento e as nuvens carregadas que permaneceram na zona da Torre durante todo o dia teriam impedido a abertura da """""estância...zinha"""". Portanto, o resultado seria básicamente o mesmo.

Paulo Roxo

Anónimo disse...

e será que as máquinas que limparam o parque do hotel eram todas da turistrela?um passarinho garantiu-me que não...e eu não gostei de saber de onde vieram.investiguem meus amigos e tenho a certeza que vão ficar tão indignados como eu...

Anónimo disse...

HUm ... eram ca C.M. da Covilh ??!!

Anónimo disse...

pelo menos 2 delas não eram de certeza da turistrela...eram de quem???ainda temos almas caridosas para ajudar o dr artur a desatascar os seus hóspedes já que as suas doces mãos só servem para pavonear o hummer para impressionar bonecas..."TODOS NÓS LÁ ANDAMOS..."

Algarvear a Serra da Estrela? Não, obrigado!