terça-feira, outubro 24, 2006

Pérolas (3)

Jorge Patrão (presidente da Região de Turismo da Serra da Estrela), logo a seguir a ter afirmado que "dentro do Maciço Central eu não defendo muito a fazer de novo" (quanto a novas estradas), sobre a Estrada Verde:
"Eventualmente essa ligação da Guarda à zona do Maciço Central já criará um novo aspecto de estrada panorâmica diferente. Dentro do Maciço os carros terão que ser travados, pelo menos no inverno, nas estâncias de montanha, nas Penhas da Saúde e no Sabugueiro. É lá que encontram o apoio de animação , alimentação e alojamento, não é na estância de esqui."
(Notícias da Covilhã, 2 de Dezembro de 2005, pág. 14)
Ou seja: somos contra novas estradas mas a favor da Estrada Verde; somos a favor da Estrada Verde mas vamos fechá-la ao trânsito, pelo menos no Inverno; pararemos os carros nas Penhas da Saúde e no Sabugueiro mas, agora que a estrada de S. Bento está inaugurada (e já estava a ser construída na altura destas declarações), os carros vão poder aceder ao Maciço Central pelo lado poente, sem passarem no Sabugueiro! Como é que os lá pararemos? E quando estiver acabado o acesso Unhais da Serra - Nave de Santo António, que permite o acesso pelo lado sul sem se passar nas Penhas da Saúde?
Não conseguiremos parar os carros no Sabugueiro e nas Penhas da Saúde mas é lá que eles pararão porque lá é que "encontram o apoio de animação , alimentação e alojamento, não é na estância de esqui". Vejamos agora este artigo do Jornal de Notícias de 10 de Maio de 2006, onde, a páginas tantas, se pode ler:
"O presidente da RTSE revela que o objectivo é integrar as duas torres, o edifício da antiga messe e algumas oficinas em ruínas na nova unidade hoteleira de quatro estrelas, com restaurante panorâmico para as pistas, que a Turistrela, concessionária do turismo na Estrela, pretende construir. [...] Os radares poderão ser utilizados como posto de informação aos turistas ou «observatório panorâmico», sugere Jorge Patrão. «Como são os edifícios mais altos do país, proporcionariam uma visão geográfica excelente de mais de metade do território nacional», garante o empresário."
Pois, pois, "animação, alimentação e alojamento" na estância de esqui? Credo, nem lembra ao diabo!

1 comentário:

Blog Cortes do Meio disse...

Carlos Pinto chumba promoção turística da Serra da Estrela In: http://www.diarioxxi.com/?lop=artigo&op=d645920e395fedad7bbbed0eca3fe2e0&id=aa827be8f6b291a77a8bf45f2bdbac78 O que será que Carlos Pinto pretende? Um casino, mais hotéis,... Aguardemos.

Algarvear a Serra da Estrela? Não, obrigado!