segunda-feira, julho 24, 2006

Olha que coisa!

Veja-se só o que encontrei na web. Isto é uma notícia publicada há cinco anos pelo Ecoesfera do Público, por altura do 25º aniversário do Parque Natural da Serra da Estrela.
16-07-2001

Um quarto de século de Incêndios e Pressão Turística

Parque Natural da Serra da Estrela faz hoje 25 anos

O Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE), a maior área protegida do país, faz hoje 25 anos. Mas há pouco para comemorar. A pressão turística, sobretudo no Inverno por causa da neve, e o flagelo dos incêndios têm vindo a delapidar importantes valores naturais e a empobrecer os solos. "Um desastre!", sintetiza o botânico Jorge Paiva.

Helena Freitas, presidente da Liga para a Protecção da Natureza (LPN), acha que o PNSE tem sido "votado ao abandono" pelo Instituto de Conservação da Natureza. "Não sei porquê, mas o Parque da Serra da Estrela tem sido esquecido, como se não valesse a pena. Parece que só serve para manter a neve lá em cima. Não entendo, porque a Estrela é das melhores coisas que nós temos", sustenta. Na Serra da Estrela, o que mais impressiona Jorge Paiva é "a maneira como as populações serranas sempre souberam viver na montanha" e a diversidade biológica existente. "Há muitos elementos florísticos que só existem ali, não se encontram em mais nenhum lugar do mundo", diz. A importância natural do PNSE decorre da altitude e da sua localização central em relação ao país. Estes dois factores fazem com que receba influências "quer do Mediterrâneo, quer do Atlântico, quer do norte da Europa e da zona continental, o que não acontece com mais nenhuma área protegida nacional", salienta Fernando Matos, o director do parque. É este conjunto de influências que explica a existência na Estrela de uma diversidade de habitats sem paralelo no país. O botânico holandês Jan Janser é provavelmente a pessoa que melhor conhece a riqueza daquela área, onda passa temporadas em trabalhos de campo, e não tem dúvidas em afirmar que o PNSE "é a jóia da coroa" dos parques naturais portugueses.

Quero destacar "Um quarto de século de Incêndios e Pressão Turística", "jóia da coroa dos parques naturais portugueses", "a Estrela é das melhores coisas que nós temos", "Um desastre!"
Como se vê, o Cântaro Zangado não é propriamente original...

5 comentários:

João disse...

...PNSE "é a jóia da coroa" sem dúvida, e por falar em Jan Jansen nada como consultar o guia geobotânico da Serra da Estrela http://covilha.blogspot.com/2006/04/serra-da-estrela-no-perder.html

Tiago P disse...

Parece que há mais fanáticos por ai!!Estamos é muito pouco faladores! É curiosa essa ideia que facilmente passa de que quem defende o ambiente é automaticamente fanático! No Brasil e vários países Africanos com extensos Espaços Verdadeiramente Naturais as reservas écológicas são protegidas/vigiadas pelo exército ou patrulhas florestais armadas!!Não quero com isto dizer de modo algum que se deve praticar este tipo de fiscalização em Portugal, mas por favor não me falem em "ambientalistas" fanáticos!!Diria antes que existem sim, "Urbanistas" fanáticos ou quem sabe "Urbano-dependentes" que sofrem de crises de ansiedade sempre que ficam sem cobertura de telemovel ou quando a estrada mais próxima esta fora do alcance da vista!
De facto, na minha opinião, Portugal tem falta de "fanatismo", seja por que causa fôr! Não somos "fanáticos" nos nossos principios, não somos "fanáticos" na nossa cultura e identidade, não somos "fanáticos" se quer nos nossos direitos!!
De facto somos é pouco "fanáticos"...

Anónimo disse...

Concordo plenamente com o sr. Tiago!

Paulo Roxo

UheccaGil disse...

Ah... eu tenho um livrinho desses na minha biblioteca e que me acompanha a cada ida à Serra... Funciona estilo telemóvel, sabe? Fanática pelo livro. ;P
Tiago tem razão.

ljma disse...

João, obrigado pela link. Da última vez que fui a Manteigas (já foi há uns meses) parei na sede do PNSE para pedir umas informações. Tinha comigo apenas 15 euros, que foram todos gastos em documentação, mas que não chegaram para tudo, infelizmente. A ver se vou mais precavido da próxima...

Eu também concordo com o Tiago, e vou promover o comentário dele a artigo. Desta vez, até posso dizer que é "a pedido de várias famílias" ;)

Algarvear a Serra da Estrela? Não, obrigado!